Valve vai investigar acesso de documentos do Steam pela Epic Games Store

A Valve confirmou nesta sexta-feira (16) que investigará a forma como o aplicativo da Epic Games Store estaria acessando e coletando informações de usuários da Steam.

A coleta de dados pelo Epic Games Launcher foi revelada por usuários do Reddit nesta semana, que identificaram que o app da Epic Games acessava informações contidas em pastas da Steam quando instalado no computador de um usuário com os dois programas.

Estamos investigando quais informações o Epic Launcher coleta do Steam. Esses são dados particulares de usuários, armazenados na máquina doméstica do usuário, e não devem ser usados ​​por outros programas nem enviados para qualquer serviço de terceiros“, afirmou a Valve em um comunicado enviado ao BleepingComputer.

Também à publicação, Tim Sweeney, CEO da Epic, afirmou que a companhia está trabalhando para mudar seu app, mas garantiu que as informações coletadas são limitadas à lista de amigos do usuário no Steam – o que estaria de acordo com os termos de serviço da plataforma. O executivo, no entanto, disse que a empresa mudaria as configurações para exigir um novo consentimento ativo do usuário antes de qualquer coleta de dados.

A implementação atual é remanescente da nossa corrida para implementar recursos sociais no começo de Fortnite“, afirmou Sweeney. “Na verdade, é minha culpa por ter feito que a equipe do launcher suportasse isso rapidamente“.

Ainda não é certo o que a “investigação” da Valve significará para a relação entre as duas companhias, que se tornaram rivais diretas desde que a Epic lançou sua própria loja de games.

Anteriormente, as duas empresas entraram em atrito após a Epic ter fechado um acordo de exclusividade para Metro Exodus na Epic Games Store, o que removeu o jogo da Steam mesmo após ele já estar em pré-venda na plataforma da Valve por vários dias.