"Quem disse que eu treinava mal tem agora de vir a público"

Keylor Navas, guarda-redes que foi praticamente durante toda a temporada sombra de Courtois na baliza merengue, voltou este sábado, na vitória frente ao Celta de Vigo, à titularidade na baliza merengue.

Depois do encontro, após uma boa exibição no Santiago Bernabéu, o guardião da Costa Rica foi contundente nas suas palavras, deixando críticas para quem disse mal da sua prestação nos treinos.

“Críticas? Aquele que disse que eu treinava mal tem agora de vir a público. Ou não me conhece ou nunca viu um treino em Valdebebas. Ali toda a gente sabe como treino. No fim do túnel está sempre a luz e eu trabalhei para isto. Agora que desfrutar. Gosto de viver o momento. Se pensas muito no futuro perdes a perspetiva do que estás a viver”, começou por referir o guardião merengue. 

“A minha vontade de trabalhar nunca desapareceu. Continuo sempre a trabalhar muito e saio desta situação fortalecido e com mais vontade”, confessou. 

“Faz algum tempo que não jogava e estou muito contente. O futuro logo se verá. Trabalharei sempre como até aqui. Pensar no futuro acaba por distorcer as coisas e tem sempre de se falar em suposições”, disparou Navas, falando depois sobre o regresso de Zidane.

“Zidane? Nunca comparei treinadores. O passado é passado. O grupo está a trabalhar muito bem, a alegria chegou ao balneário e isso é o mais importante. Zidane fala cara a cara com todos. Não sei se fazia falta uma mudança, mas o clube acho que era necessária. Nós só temos de ser profissionais e trabalhar”, finalizou o experiente guarda-redes de 32 anos.

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download
Google Play Download