Ryan Adams é acusado de assédio sexual por várias mulheres, diz jornal

Ryan Adams (Foto: Getty Images)

O cantor e compositor norte-americano Ryan Adams, de 44 anos, está sendo acusado de má conduta sexual e manipulação contra pelo menos sete mulheres. As informações foram divulgadas pelo jornal The New York Times, na quarta-feira (13).

As mulheres que acusam Ryan o descrevem como “dono de um padrão de comportamento manipulador ao buscar artistas com intuitos sexuais”. “Em alguns casos, disseram elas, ele se tornava dominador e vingativo, negando as suas ofertas sexuais quando rejeitado e submetendo as mulheres a abusos emocionais e verbais, além de assédio em textos e mídias sociais”, diz a reportagem.

A cantora e atriz Mandy Moore, ex-mulher de Adams e estrela da série de TV This is Us, chegou a dizer que “a música era um ponto de controle para ele”. A situação de Ryan fica ainda ainda mais complicada perante a lei ao ser acusado de assediar uma menor de idade. “Eu teria problemas se alguém soubesse que conversamos assim”, chegou a escrever Ryan à jovem em novembro de 2014.

Um advogado de Ryan Adams nega as acusações. “O sr. Adams nega que tenha se envolvido em troca de mensagens sexuais inapropriadas com alguém que ele tinha conhecimento ser menor de idade”, disse Andrew B. Brettler. “Adams se comunica online com vários fãs e aspirantes a músicos e não se lembra de ter trocado mensagens com alguém relacionado a nada fora da música”, completou o advogado, completando que “se, de fato, essa mulher fosse menor de idade, Adams não saberia”.

No Twitter, Ryan fez três posts para falar das acusações. “Como alguém que sempre tentou espalhar alegria através da minha música e da minha vida, ouvir que algumas pessoas acreditam que causei dor me entristece muito. Estou decidido a trabalhar para ser o melhor homem que posso ser. E desejo a todos compaixão, compreensão e cura”, começou ele.

“Porém, o que esse artigo me passa é perturbador e impreciso. Alguns de seus detalhes são deturpados; alguns são exagerados; alguns são claramente falsos. Eu nunca teria interações inapropriadas com alguém que eu soubesse que era menor de idade. Ponto”, ainda postou Ryan.

“Eu não sou um homem perfeito e cometi muitos erros. Para qualquer um que eu já tenha machucado, não intencionalmente, peço desculpas profundamente e sem reservas ”, finalizou.

Ryan Adams se manifesta em meio a acusações de assédio sexual (Foto: Reprodução/Twitter)