Guimarães com turismo em crescimento

O Município de Guimarães registou um crescimento ao nível do turismo no ano de 2018, com um aumento na afluência aos postos de informação turística e equipamentos culturais, bem como na taxa média de ocupação na hotelaria, segundo os dados divulgados pelo Departamento Turismo na Câmara de Guimarães.

De acordo com o município, Guimarães “afirma-se pela capacidade de atração turística perante uma evolução ao longo dos últimos anos, destacando-se o aumento da atração de turistas em 2018” tendo por base o registo de visitantes aos pontos de informação turística, número de visitas a equipamentos culturais e ainda os números fornecidos pelas principais unidades de alojamento do concelho, registando-se uma taxa média de ocupação na hotelaria de 63,6 %, conferindo uma subida em comparação com os 59,2 % registados em 2017.

O número de visitantes que, em 2018, passou pelos postos de informação turística foi de 80393, sendo mais de cinco mil em comparação com o ano anterior. A evolução é de tal forma visível ao comparar com o ano de 2013, onde se verifica um crescendo de quase 34 mil visitantes. Numa análise aos valores totais de turistas por países de origem, Espanha, com 47% dos visitantes, mantém a posição de principal mercado emissor. Seguem-se a França com 13% dos visitantes e Portugal com 9% do total. O Brasil é o quarto país entre os visitantes que chegam à Cidade-Berço, com 7%, registando a segunda maior subida do número total de visitantes relativamente ao ano anterior.

Nesta vertente de turismo é possível destacar ainda o impacto pela procura dos equipamentos culturais, conferindo um aumento de 3,8% do número de visitantes aos museus e outros equipamentos culturais, como a Plataforma das Artes e Casa da Memória. No ano passado o número de visitantes aos equipamentos culturais foi de 523 852.

O período entre abril e outubro, com especial incidência no mês de agosto, é quando Guimarães regista o maior número de visitantes. Estes sete meses representaram, no ano de 2018, 79% do total de visitantes aos postos de informação turística. Julho, agosto e setembro, meses de verão registam 48% do total de visitantes. Na semana Santa e fim-de-semana de Páscoa registou-se, igualmente, um pico significativo de turistas provenientes, essencialmente, do mercado espanhol.

Marcações: Turismo em Guimarães


Imprimir

Email