Em apenas dez minutos, Alibaba vendeu mais que a Amazon num dia inteiro de saldos

Em menos de dez minutos, o Dia dos Solteiros da empresa chinesa Alibaba superou o maior dia de compras do ano da Amazon. O evento que a Alibaba realiza todos os anos em novembro gerou mais de 4,2 mil milhões de euros nos primeiros dez minutos, e vinte minutos depois as vendas já ultrapassavam os 5,7 mil milhões de euros, de acordo com o Business Insider. Em 2017, as vendas do Alibaba neste “Single’s Day” superaram 22 mil milhões de euros.

Durante a última década, a Alibaba transformou o Dia dos Solteiros – 11 de novembro (já iniciado na China devido a diferença horária) – num verdadeiro fenómeno cultural que se assumiu, de longe, como o maior dia do ano para compras online.

Embora não seja uma comparação totalmente exata, estima-se que as vendas totais da Amazon superaram 3,7 mil milhões de euros durante as 36 horas da sua iniciativa Prime Day, em julho de 2018, segundo Michael Pachter, analista da Wedbush Securities. A Amazon não divulga os números oficiais de vendas do Prime Day, mas a empresa disse que foi “o maior evento de compras da história da Amazon”, superando as vendas da Cyber Monday, Black Friday e do anterior Prime Day.

O início explosivo do Dia dos Solteiros da Alibaba é uma pequena surpresa, diz o Business Insider, tendo em conta alguma recente instabilidade da economia chinesa. O valor bruto da mercadoria engloba o valor gerado globalmente em todo o ecossistema em expansão da Alibaba, que inclui Taobao.com, Tmall e conceitos que combinam vendas online e of-line, como a cadeia de supermercados Hema.