Arialdo é finalista no Prêmio Nacional do Turismo

O secretário do Turismo do Ceará, Arialdo Pinho. (Fortaleza: Gustavo Simão – Especial para O POVO)

Fortaleza – O secretário do Turismo do Ceará, Arialdo Pinho, é um dos cinco finalistas do Prêmio Nacional do Turismo, do Ministério do Turismo. E ele está em campanha.

“Fui honrosamente escolhido entre os 5 melhores gestores do país por indicação do Ministério do Turismo, no setor de Governo , para concorrer o Prêmio Nacional do Turismo. Solicito seu apoio e voto”, enviou para lista de contatos.

Estande do Ceará na Festuris vai até domingo (11)

A propósito, a Setur montou estande na Festuris, feira de turismo em Gramado (RS). Começou na quarta e vai até domingo (11).

O perfil dos finalistas, segundo o Ministério 

Arialdo Pinho

Arialdo Pinho é Secretário de Estado de Turismo do Ceará. A Secretaria de Turismo, vem estabelecendo acordos com companhias aéreas para a criação de novos voos no Estado, em uma parceria de longo prazo que visa a fomentar o turismo local e contribuir para o desenvolvimento de diversos setores da economia cearense. Também foi instalado um centro de conexões aéreas das empresas Air France, KLM e Gol na cidade. A GOL Linhas Aéreas iniciou operação para voos diretos do Aeroporto de Fortaleza para Orlando e Miami, nos Estados Unidos. Além disso, a Secretaria do Turismo do Estado e a companhia espanhola Air Europa assinaram contrato para a realização dos voos entre as cidades com operação prevista para abril ou maio de 2019. A meta é que Fortaleza passe a receber mais voos semanais do exterior até o fim deste ano, a concretização deste marco coloca Fortaleza ainda mais como um grande centro de conexões aéreas para o mundo.

Ações: Conquista de 2 Hubs aéreos para o estado do Ceará: Air France/KLM/Gol (7 vôos internacionais semanais e 40 voos nacionais diários no primeiro ano, e a partir do segundo ano 50 voos nacionais diários ); e Latam ( 5 voos internacionais semanais e 40 voos nacionais diários no primeiro ano, e a partir do segundo ano 50 voos nacionais diários); Conquista de mais de 40 novos voos  internacionais semanalmente para o estado; Promoção do estado através de participação massiva nas principais feiras de turismo internacionais (Alemanha, Inglaterra, Rússia, China, Holanda, Itália, França, Espanha, Portugal, Estados Unidos, México, Argentina, Colômbia, Chile, entre outros) e nacionais, com estande próprio ou participação junto com a Embratur; Pioneiro no uso de propaganda massiva do turismo de estado na internet; Conquista de voos regionais para 3 cidades no interior do estado: Jericoacoara, Cariri e Aracati; Idealizador do aeroporto de Jericoacoara, com sua inauguração no ano de 2017; Construção de 300 km de estradas turísticas de mão dupla no estado; Construção da estrada de Ubajara: 75km; Recuperação do bondinho de Ubajara;Em andamento a construção do saneamento básico do Porto das Dunas, Flecheiras e Taíba; Execução de praças em 12 cidades litorâneas; Conquista de um investimento hoteleiro de R$ 800 milhões da Inveravante (3 hotéis); Conquista do novo projeto do Beach Park para dois parques e 3 resorts com investimento de R$ 1,5 bilhão; Conquista de diversas pousadas na orla turística do Ceará (investimento de R$ 200 milhões); Em negociação investimento de R$ 150 milhões para Resort no Preá; Conquista junto ao Governo Federal da concessão do aeroporto de Fortaleza; Criação da marca “Descubra Ceará” e “Discover this Joy”.

Projetos: Execução do Seminário Novos Turistas, Novos Desafios. Com público de mais de 750 pessoas do trade cearense, o seminário teve o intuito de mudar o paradigma do turismo no estado, visando acompanhar o novo patamar alcançado pelo turismo no Ceará. Participação de diretores da Booking.com, Disney, SeaWorld, CVC; Execução de projetos de incentivo ao esporte, vinculando ao turismo: Campeonato mundial de kitesurf; Campeonato nacional de kitesurf; Meia maratona de Jericoacoara; Rally dos Sertões; Rally Pioceará; Patrocínio do Festival gastronômico  Fartura em São Paulo, Minas Gerais, Fortaleza e Lisboa; Execução de projetos para movimentar o artesanato no estado: participação com estande em feiras de artesanato nacionais e internacionais; Desenvolvimento junto ao Sebrae CE das rotas turísticas do estado; Desenvolvimento de novos atrativos e produtos turísticos no estado.

Estudos: Estudo de Demanda Atual e Potencial do Turismo no estado do Ceará; Estudo da Oferta Turística e Infraestruturas Básicas; Estudos de Análise do Perfil da Atividade Turística; Estudo de Compatibilização entre Oferta e Demanda e Análise de Concorrência; Diagnóstico Institucional das Instituições Públicas; Diagnóstico Institucional das Entidades Privadas; Planejamento Estratégico para o Turismo no horizonte de 10 anos; Modelo de Governança Municipal do Turismo com Indicadores de Desempenho e Sistemática de Acompanhamento e Monitoramento; Diagnóstico da legislação para o turismo encontrada em cada Município; Mapeamento e Diagnóstico das áreas priorizadas para implantação das Zonas de Processamento de Exportação de Serviços Turísticos; Estudos de Viabilidade para Certificação Internacional de Praias – Programa Bandeira Azul; Identificação e Caracterização dos Novos Produtos Turísticos; Diagnóstico, Zoneamento Ambiental, Mapeamento Eólico-Sedimentar, Projeto Executivo e Estudo de Impacto Ambiental do Projeto de Recuperação Ambiental e Paisagística da Duna do Pôr do Sol e Jericoacoara; Estudo de Impacto Ambiental (EIA/RIMA) para implantação do Projeto de Construção do Calçadão de Mundaú; Estudo de Impacto Ambiental (EIA/RIMA) para implantação dos Sistemas de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário de Flecheiras; Estudo para implantação de sinalização turística; Estudo para implantação do sistema de informações turísticas; Plano de manejo da APA de Cano Quebrada; Desenvolvimento do Plano Diretor do Preá.

Bruno Wendling

Elaboração e implantação da primeira Lei Estadual de Turismo, criação do Conselho Estadual de Turismo e realização do curso para Gestores públicos municipais de turismo. Formalização e profissionalização de 3 instâncias de governança regionais com destaque para criação da Associação voltada para Mercado da Rota Pantanal-bonito, integrando as duas principais regiões turísticas do estado. Implantação do primeiro Observatório de Turismo do Estado (observatorioturismo.ms.gov.br) e do primeiro site de Turismo voltado para o mercado do estado (www.visitms.com.br). Criação da Campanha Promocional Visit MS “Você no seu Melhor Estado” com o seu vídeo promocional sendo premiado como melhor vídeo de destino do Festival internacional de áudio visual de Cultura e Turismo – Fiacult. Implantação dos editais de apoio à eventos geradores de fluxo turístico. Lançamento do novo produto “Cavalgadas Pantaneiras” e captação do I Adventure Next Latim America um dos mais importantes eventos especializados em ecoturismo e turismo de aventura.

Ações em destaque: Elaboração e implantação da primeira Lei Estadual de Turismo; Criação do Conselho Estadual de Turismo; Formalização e profissionalização de 3 instâncias de governança regionais com destaque para criação da Associação voltada para Mercado da Rota Pantanal-bonito integrando as 2 principais regiões turísticas do estado; Implantação do 1° Observatório de Turismo do Estado observatorioturismo.ms.gov.br; Implantação do 1° site de Turismo voltado para o mercado do estado www.visitms.com.br; Criação da Campanha Promocional Visit MS – Você no seu Melhor Estado com o seu vídeo promocional sendo premiado como melhor vídeo de destino do Festival internacional de áudio visual de Cultura e Turismo – Fiacult; Implantação dos editais de apoio à eventos geradores de fluxo turístico; Lançamento do novo produto Cavalgadas Pantaneiras; Captação do I Adventure Next Latim America um dos mais importantes eventos especializado em ecoturismo e turismo de aventura; Realização do curso para Gestores públicos municipais de turismo.

Deise Bezerra

Possui graduação em Administração pela Fundação de Estudos Sociais do Paraná e em Turismo pela Universidade Federal do Paraná. Interlocutora do Programa de Regionalização do Turismo e da Rede de Inteligência de Mercado no Turismo. É coordenadora do Cadastur, sendo destaque na atuação junto ao MTur. Também possui Especialização Latu Sensu em Planejamento e Gestão do Turismo pela Universidade Federal do Paraná (1999). É servidora pública do Estado do Paraná atuando como coordenadora e consultora de projetos de desenvolvimento do turismo para a Secretaria de Turismo (Paraná Turismo). Também atua como Professora no Curso de Graduação de Turismo da Universidade Federal do Paraná – lecionando nas disciplinas de Planejamento, Organização e Sistemas do Turismo; Planejamento e Gestão de Turismo em Áreas Urbanas; Orientação Ênfase: Áreas Urbanas.

Edson Duarte

Edson Duarte é Ministro de Estado do Meio Ambiente. Merecem destaque os esforços do órgão para a implementação da visitação nas Unidades de Conservação Federais. Por meio do PAPP (Parcerias Ambientais Público-Privadas), programa conjunto do MMA e ICMBio que tem por objetivo fomentar parcerias ou alianças ambientais público-privadas, espera-se concessionar serviços de apoio à visitação em 11 unidades de conservação. A proposta tem o potencial de garantir o investimento na estruturação dessas UCs.

Herculano Passos

Natural de Itu – SP. É empresário do setor imobiliário e de alimentação fora do lar. Presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo no Congresso Nacional. Presidente da Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados, entre 2016 e 2017. Coordenador de enoturismo da Frente Parlamentar da Uva e do Vinho. Membro Suplente do Conselho Nacional de Turismo – Ministério do Turismo.

Atuou na tramitação das seguintes propostas: Regulamentação dos Jogos de Azar (Com foco nos cassinos funcionando em complexos integrados de lazer); Direitos Autorais (isentar os hotéis da cobrança de direitos autorais sobre a programação de rádios e televisores dos quartos); Flexibilização dos vistos para turistas estrangeiros entrarem no Brasil (Canadá, Austrália, EUA e Japão); Trabalho intermitente (permite a contratação por jornada em escala móvel); Lei da Gorjeta (passou a integrar a folha de pagamento dos trabalhadores); Gorjeta nos casos de Micro e Pequenas Empresas (retira a arrecadação com gorjetas da receita bruta para fins de tributação, evitando que o teto seja ultrapassado); Isenção de Pis e Cofins para cruzeiros marítimos (Foi relator na Comissão de Turismo – projeto aprovado). Plano Brasil + Turismo e a Lei Geral do Turismo.