Agente recebeu 10,7 milhões de euros por transferência de Neymar ao PSG

O agente israelense Pini Zahavi recebeu 10,7 milhões de euros do Paris Saint-Germain pela transferência de Neymar ao clube francês, segundo publicação feita nesta sexta-feira pela revista “Der Spiegel”, da Alemanha, com informações do site “Football Leaks”.

De acordo com o texto, PSG e Zahavi tiveram várias divergências sobre o modo como a quantia deveria ser paga. O agente sugeriu, a princípio, que o dinheiro fosse depositado em uma conta que possui em Malta, um paraíso fiscal, algo que os franceses se negaram a fazer.

Em seguida, ele propôs que a transferência fosse feita a uma conta de uma empresa que possui no Chipre chamada Grebere, algo que, segundo a mesma fonte, também não agradou aos franceses.

Por fim, as partes chegaram a um acordo, e a quantia teria sido depositada em uma conta em Israel.

A “Der Spiegel” também destaca a frustração de Zahavi quando fracassaram suas tentativas de tirar o atacante polonês Robert Lewandowski do Bayern de Munique, com o Real Madrid como principal alvo.

O clube alemão se negou a negociar, e Zahavi enviou várias mensagens ao ex-empresário de Lewandowski Maik Barthel, reclamando por não ter incluído no contrato do jogador uma cláusula para possibilitar uma saída antes de 2021.

Barthel respondeu dizendo que o Bayern nunca aceitaria uma negociação desse tipo, mas o agente chegou a um acordo para o atacante polonês continuar tentando sua transferência para outro clube, ainda de acordo com a “Der Spiegel”.

Nesta sexta-feira (9), Neymar e Thiago Silva demonstraram irritação com algumas informações divulgadas pelo “Football Leaks”.